sábado, 17 de julho de 2010

O que fazer? - Cibele Carvalho





O que fazer?

Cibele Carvalho



Se tuas previsões ficaram aquém

da grandeza do que tens pela frente?

Se nem nos delírios mais loucos,

imaginaste o que agora sentes?

O que fazer se tuas convicções

eram fracas frente à realidade,

se era frágil a tua vontade?

O que fazer ao ver que o inesperado

entrou, em tua vida, sem cuidado

e minou os alicerces teus?

O que fazer frente ao desconhecido,

frente ao que não faz muito sentido,

se confrontado com os preceitos teus?

O que fazer? Procurar, buscar

ou ficar parada e aceitar

o que pra você não se explica?

O que fazer se as rédeas estão soltas

e se as ideias se embaralham, loucas?

Não há, não há o que fazer...

Então, relaxa, se entrega, deixa acontecer.



Cibele na foto


RJ, 30/04/10

Créditos de arte:

Tutorial:- tag -Arlete Barros
Foto:- Cibele Carvalho
Formatação: Luiza Braguin

Um comentário:

Maria disse...

Adorei te ver aqui, juntamente com a Luiza, com esses belíssimos poemas.
Parabenizo-as, desejando que tenham cada vez mais sucesso.
Seus poemas são maravilhosos, sem exceção!
Beijos,
Maria Tomasia

Free JavaScripts provided
by The JavaScript Source

Versejar

Minha foto
Brazil
Biografia Águida Hettwer Nasceu em 31 de março de 1974 na cidade de Horizontina no Rio Grande do Sul. Mora atualmente em Sapiranga/RS. Dedica-se às letras e as Artes no seu contexto amplo, desde muito jovem. Aprecia a simplicidade, a natureza, animais de estimação, Antiguidades e seu legado na história. Acadêmica de psicologia Feevale-RS. Faz da escrita uma terapia.